O Portal Carreira & Sucesso é uma publicação digital da Catho. Aqui você encontra informações relacionadas ao mercado de trabalho, que irão auxiliá-lo em seu desenvolvimento profissional.

02/07/2001 - Mais empresas adotam benefícios flexíveis

Autor: Comunicação

Novo método para motivação na gestão de Recursos Humanos: o funcionário escolhe o benefício que quer, publicada na edição 84 do jornal Carreira & Sucesso).
Thienne Marcondes

“A empresa conhece o custo do pacote de benefícios que oferece aos funcionários, mas não conhece o valor que cada um dá a este pacote.” A afirmação é de Jair Pianucci, diretor de Recursos Humanos da Hewlett-Packard (HP) Brasil, empresa de soluções tecnológicas. Ele assegura que este foi um dos motivos que fez com que a HP convertesse o pacote de benefícios dados aos funcionários para benefícios flexíveis.
Este assunto, abordado na edição 84 deste jornal, despertou grande interesse entre profissionais de recursos humanos. Por esta razão voltamos ao assunto, e fomos buscar empresas de renome, que optaram por essa modalidade de remuneração complementar.

NÃO É NOVIDADE, MAS É EFICAZ

O método de benefícios flexíveis foi adotado, inicialmente, na década de 70, por empresas norte-americanas, e hoje é bastante utilizado por empresas brasileiras, a exemplo da HP, já mencionada aqui, e da DuPont (empresa do setor de indústria química).
A DuPont resolveu converter o pacote de benefícios oferecidos aos funcionários em benefícios flexíveis em 1999. Assim como o diretor de Recursos Humanos da HP, o consultor da DuPont, Márcio Magnoli Júnior, considera que os benefícios flexíveis se encaixem perfeitamente às necessidades individuais dos profissionais da empresa.“Nem sempre o pacote convencional de benefícios que a empresa oferece é adequado ao funcionário, daí a característica mais positiva dos benefícios flexíveis”.
Embora a DuPont ainda esteja no início da implantação dos benefícios flexíveis, os funcionários estão reagindo positivamente ao novo método, segundo Cláudia Briganti, supervisora de Benefícios da empresa. Um exemplo é José Carlos Alcón. Coordenador de Vendas e Desenvolvimento, ele é um dos funcionários que se mostram satisfeitos com a implantação dos benefícios flexíveis na DuPont, que considera convenientes. “Pude fazer uma melhor distribuição dos meus créditos e fazer opções mais apropriadas ao meu perfil”.

A ESCOLHA DOS BENEFÍCIOS

Por meio de um sistema de intranet, os colaboradores da DuPont fazem a escolha dos benefícios uma vez por ano, exceto em situações de nascimento de filhos, divórcio ou casamento, quando a alteração é automática. Cada funcionário tem uma conta corrente virtual de débito e crédito para controlar a quantidade de pontos que tem e que ainda pode gastar. Para a atribuição dos pontos, é analisada a renda mensal do funcionário, e para isso os executivos de RH também levam em conta o tamanho da família de cada colaborador.
Na HP os pontos podem ser acumulados para uso posterior. “Se o funcionário tem uma cota de 300 pontos e precisa fazer um tratamento de saúde equivalente a 600 pontos, por exemplo, ele pode solicitar um reembolso a ser descontado do próximo pacote de benefícios”, explica Jair Pianucci da HP. Este adiantamento só é permitido em casos de saúde.
Na DuPont, as regras são outras. Como a escolha é feita anualmente, o acúmulo de pontos vale durante o ano corrente e os funcionários podem utiliza-los para reembolso de tratamento médico ou gastos com educação.
É claro que o sistema de escolha varia de acordo com a política da empresa, e pode ser facilmente adaptado. Na HP a escolha é realizada semestralmente, sem exceções, por meio de um sistema via Web. A cota de pontos para a escolha dos benefícios também é distribuída de acordo com o nível salarial de cada funcionário, como na DuPont.
Os tipos de benefícios também podem ser bem variados. No caso da HP foram selecionadas três opções para serem oferecidas aos funcionários:

1º – saúde e bem-estar
2º – proteção à catástrofe
3º – poupança e aposentadoria

O beneficiado escolhe o plano mais conveniente para ele no momento da escolha. Recomendam os especialistas em recursos humanos das empresas entrevistadas que a escolha deve ser muito bem pensada, porque o empregado terá que conviver com ela por um período. Em geral o tempo de espera para poder alterar o plano é de seis meses.

ATRAÇÃO, MOTIVAÇÃO E RETENÇÃO DE TALENTOS

Os benefícios flexíveis estão sendo considerados pelos profissionais de Recursos Humanos das empresas adeptas ao pacote uma arma para atrair, reter e motivar talentos.

Cláudia Briganti, supervisora de Benefícios da DuPont, considera os benefícios flexíveis mais um método para motivar os funcionários, justamente por eles poderem montar o próprio pacote de benefícios de acordo com a sua necessidade. Sandra Capelli, consultora de Recursos Humanos da empresa, percebe que, mesmo o método sendo novo, os funcionários já estão satisfeitos.
“Os benefícios flexíveis na HP servem mais para atração e retenção de talentos que para motivação” afirma Jair Pianucci. Os benefícios flexíveis estão sendo bem aceitos pelo mercado, e segundo Jair, muitas empresas já estão adotando a novidade. “Sempre recebo ligações de empresas querendo saber mais sobre estes benefícios”.

NÚMEROS

A qualidade dos benefícios que a empresa oferece aos funcionários é um fator muito avaliado pelos candidatos que buscam uma oportunidade no mercado de trabalho. O livro Gerenciamento da carreira do executivo brasileiro: uma ciência exata, de Thomas A. Case, Ph.D., e Joaquim Maria Botelho, destaca os benefícios entre os fatores que mais influenciam na satisfação geral dos funcionários.

 

IMPORTÂNCIA RELATIVA DE NOVE FATORES NA SATISFAÇÃO GERAL NO ATUAL EMPREGO

Fator % de contribuições
1 Perspectivas de progresso na empresa para os próximos três anos 26,0
2 Clima organizacional na empresa 20,7
3 Remuneração 12,8
4 Estilo de processo decisório 8,3
5 Solidez financeira do empregador 7,1
6 Benefícios oferecidos 7,0
7 Grau de estresse 6,7
8 Local de trabalho 6,1
9 Suporte secretarial 5,8

(Dados coletados nas pesquisas da Catho Online)

Leia mais sobre:
Artigos Relacionados:
Random Posts