Retenção de talentos: o desafio de toda organização

Alessandro NatalEsse assunto é tema frequente de palestras, workshops, mesas redondas e vem sendo  lançado como desafio para os especialistas em Gestão de Pessoas.

Se analisarmos a questão da retenção de talentos, ela sempre existiu nas organizações – o que está diferente hoje é somente a velocidade que as coisas estão acontecendo e as oportunidades que aparecem a todo o momento para aqueles que estão preparados.

A retenção de talentos vai além da cesta de benefícios que as empresas oferecem, está diretamente ligada a Gestão e Liderança.
Hoje, os benefícios oferecidos como ticket alimentação, vale transporte, plano de saúde, plano odontológico e até PLR estão se tornando a composição básica do salário. Ainda existem muitos empresários acreditando que esses benefícios são suficientes para reter “os melhores” na empresa e, quando menos esperam, se deparam com a notícia: estou me desligando.
As empresas precisam investir muito na qualidade das lideranças, pois os líderes são os responsáveis pela linha de conduta do negócio. São eles que fazem com que seus colaboradores se sintam envolvidos no processo e sabem explorar o que eles têm de melhor. Os líderes também precisam assegurar que os processos, políticas e sistemas de recompensa contribuam para a implantação das estratégias com sucesso.
Se os colaboradores se sentirem realizadores e responsáveis pelos resultados, sentindo que a organização investe continuamente no desenvolvimento deles, certamente essa realidade do que fazer para reter talentos não ficará batendo a sua porta.
O que sua empresa tem oferecido?

Estamos preparados para a batalha da concorrência?

Para o jogo que virá

Tudo tem consequência