Harry Potter e lições quase mágicas para sua carreira


Harry Potter parece sempre tão atual, não é mesmo? Mas o primeiro livro da série, Harry Potter e a Pedra Filosofal  já tem 20 anos. A saga que marcou uma geração, não só fez de sua autora, J.K. Rowling, a primeira bilionária a alcançar este status escrevendo livros, como aumentou, e muito, o interesse por leitura em crianças e adolescentes.   

Você já conhece a famosa história contada pelos livros, que também teve muito sucesso no cinema, mas você já pensou no quanto Harry Potter e seus personagens podem te ensinar quando relacionados à sua vida profissional? Isso mesmo, J.K. nos presenteou com vários exemplos que podem te fazer um profissional muito melhor.

Então pega seu suquinho de abóbora, verifique seus tickets, plataforma 9 ¾, certo? Embarque nessa com a gente e descubra o que alguns dos personagens principais de Harry Potter podem te ensinar.

Seja um bom líder

Harry Potter tem muito mérito por seus feitos durante a saga, mas a maior qualidade dele era reconhecer a ajuda de seus amigos e ter a capacidade de descobrir como cada um deles poderia contribuir. Harry foi um líder e por mais que não dominasse algo, ele sabia quem o ajudaria, é o papel de um líder, identificar talentos. Vale lembrar que não precisa ser chefe para ser um líder, liderar é um exercício importante e para todos nós.

Detalhes fazem a diferença

Estudiosa, humanitária, articuladora, falta adjetivos para atribuir a Hermione Granger, mas o que fez toda a diferença, desde o primeiro livro, era a capacidade de observar e perceber que os detalhes faziam toda a diferença. A famosa cena em que a aluna informa ao seu amigo Rony como deveria ser o feitiço para erguer uma pena, por exemplo, mostra bem a importância dos detalhes. Era apenas a pronúncia da palavra que estava errada, mas sem este detalhe a pena não saía do lugar. Aprenda com Hermione, ás vezes os detalhes são as partes mais importantes.

Tenha estratégias

Você deixa tudo para a última hora, vai acumulando atividades, mas sempre consegue dar conta de tudo, pois tem as melhores estratégias. Então este é o seu caso e o do Roni Weasley também. Roni era pra lá de atrapalhado, mas no momento certo ele tirava uma estratégia do bolso e salvava o dia. Você não precisa ser bom em tudo que faz, mas, com certeza, tem algo que o destaca, procure o que te motiva e seja uma pessoa que faz a diferença.

Diplomacia importa

Luna Lovegood é uma personagem importante para história e uma das únicas que não eram da casa de Harry Potter, Grifnória. Não que uma casa seja mais importante que outra, afinal J.K., mostrou a importância de todas as casas de Hogwarts. Luna conseguia ser amiga e essencial em vários grupos. Levando isso para o mercado de trabalho, Luna seria aquela profissional que consegue trabalhar com várias áreas integradas, mesmo porque em uma organização os resultados são compartilhados. Amém Luna!

Criatividade

O lado empreendedor e criativo de Harry Potter foi entregue pelos queridos gêmeos Jorge e Fred Weasley. (Ainda estamos com raivinha de J.K. pelos nossos gêmeos ?). Jorge e Fred aproveitaram e aprontaram todas, mas a mensagem que eles passavam era que não era preciso seguir padrões para serem bem-sucedidos. Com muita criatividade, pesquisas, testes e alguns tropeços, os gêmeos conseguiram trilhar um caminho que os faziam mais feliz.

Saiba trabalhar em grupo

Trabalhar em grupo não é uma tarefa fácil, várias opiniões, desejos, pensamentos, pessoas diferentes, mas não tem jeito, é preciso e no final das contas é uma experiência que ensina muito. Neville mostrou esta capacidade em vários momentos da história, mesmo quando teve que confrontar seus amigos lá no primeiro livro até quando discursou e enfrentou Lord Voldemort quando ninguém mais tinha esperança, nos últimos capítulos do livro final da série. Trabalhar em grupo é isso, é motivar, ouvir e saber que horas as decisões devem ser tomadas. Pisa menos Neville Longbottom.

Autoconfiança

Por mais que você tenha pessoas fantásticas ao seu lado, não se intimide, você também pode dar o seu melhor e ser grande também. Esta foi a lição que a caçula dos Weasley nos mostrou, nada de namoradinha do protagonista não. Gina foi capitã do time da escola, e foi muito importante para todos os momentos decisivos da história. Por isso, a autoconfiança é fundamental, tenha, use e mostre que você também pode fazer magia.

Anotado mores? Siga as dicas e deixe seu chefe, sua família, seus amigos bem orgulhosos.

Jornalismo #ProfissõesCatho

Qual destes 3 caminhos você prefere seguir na carreira? (Parte…

Deficiência Visual | Definições e Perspectivas