3 atitudes que fortalecem a liderança

Colunista: Eduardo ShinyashikiA palavra liderança no sentido da sua raiz indo-europeia “leith” significa “superar um limite, uma fronteira”, “capacidade de moldar o futuro” e “inovar de uma maneira profunda”.

Ao explorar  essas características  nos líderes, foi constatado que a atenção não deve ser focada “no que”  e “como” os líderes  fazem, mas sim “de onde” eles fazem, isto é, identificar de qual espaço interior vem a sua força e nascem as suas ações.

Seguindo esse raciocínio, existem algumas atitudes que fortalecem as habilidades de liderança e facilitam o sucesso na gestão, são elas:

1 – Atitude mental

A atitude mental e o estado de espírito determinam as ações do ser humano. Há diferentes maneiras de encarar a realidade e os desafios, mas é o nosso tipo de atitude mental que influencia o resultado – e o líder sabe bem isso. Quando sentimos segurança em nós mesmos e temos confiança no futuro, criamos um sentimento indispensável para agir e iniciar a realização dos nossos objetivos: uma atitude mental positiva. Isso privilegia as possibilidades de sucesso e fortalece uma mentalidade vencedora.

2 – Estar sempre aberto a aprender

Isso significa, em essência, estar aberto às novidades, a inovar, a ouvir e a ser flexível. Essas atitudes deixam a pessoa mais atenta às novas soluções para transformar uma dificuldade em oportunidade.

Para uma pessoa se tornar mental e emocionalmente mais forte e poder cada vez mais agir ao invés de reagir às situações e às pessoas é preciso aprender em relação ao lado técnico do próprio trabalho, adquirir novos conhecimentos e aprender também a lidar consigo mesmo e com as pessoas, fortalecendo a inteligência emocional e tornando-se mais eficaz nas ações e nos resultados.

3 – Priorizar a equipe

O líder se dedica para que o trabalho seja realizado de forma compartilhada, com a intenção verdadeira e honesta de inspirar os colaboradores e trabalhar para um objetivo comum e para o interesse dos envolvidos. É a intenção autêntica de honrar e respeitar os outros que torna um líder inspirador e isso forma equipes comprometidas. Será essa combinação que irá determinar o nível de sucesso do grupo.

Exercer um papel de liderança não se limita ao cargo na empresa, mas significa, além de conhecer e explorar as mudanças profundas nas pessoas, nas organizações e na sociedade dos tempos atuais, saber liderar a si mesmo. Isso quer dizer cuidar e fortalecer as próprias competências pessoais para manter o foco e chegar ao resultado e na realidade desejada. Cabe a cada um de nós criarmos as atitudes e o compromisso com a prosperidade e a realização.

5 regras para evitar a demissão

Mais diálogo, menos conflito

Como manter o foco no trabalho em cenários de turbulência