O Portal Carreira & Sucesso é uma publicação digital da Catho. Aqui você encontra informações relacionadas ao mercado de trabalho, que irão auxiliá-lo em seu desenvolvimento profissional.

15/07/2015 - O profissional e a teoria da casca de banana

Autor: Sady Bordin

Com qual dos tipos abaixo você se identifica?

Primeiro tipo: come a banana e joga a casca no lixo.

É o profissional responsável. É do tipo que faz o seu trabalho sem deixar nada para trás ou para os outros acabarem. Nunca deixa nada pela metade. Termina tudo o que começa. Respeita prazos. É organizado e pontual.

Segundo tipo: come a banana e joga a casca no chão.

Este é o “profissional” folgado. Raramente termina o que começa. Normalmente deixa seu trabalho inacabado. Deixa assuntos na gaveta, pendentes. Vive protelando os trabalhos. Atrapalha a vida de seus colegas e superiores, pois nunca cumpre prazos. É um verdadeiro procrastinador. Só pensa em si mesmo e no salário no final do mês. Não gosta de trabalhar em equipe. Não está preocupado com o lucro da empresa ou com seus colegas. É um egoísta. Tem olhos voltados para seu ego e interesses próprios. Não está apto para ser líder.

Terceiro tipo: vê a casa da banana e não faz nada.

O sujeito vê a casca de banana no chão e deixa como está, no mesmo lugar. Se alguém escorregar e cair, o problema não é com ele, pensa. Esse é aquele profissional que se encontra na zona de conforto e não está preocupado com nada a sua volta. É aquele que não se preocupa se a empresa está indo bem ou mal, desde que seu rendimento esteja garantido. É indiferente ao que acontece na organização. É aquele que se omite diante de fatos, mesmo que pudesse contribuir positivamente com seus colegas e sua equipe. Sua frase preferida é “isso não é comigo”! Não está nem aí para a saúde financeira da empresa ou para o resultado do trabalho em equipe, desde que o seu esteja feito. Está pensando apenas na sua aposentadoria.

Quarto tipo: vê a casca da banana, recolhe e coloca na lixeira.

Esse é o profissional solidário, nobre, que luta pela sua equipe e pela empresa. Está preocupado com o resultado do trabalho em equipe. Preocupa-se com os colegas. Procura sempre ajudar. Quer que a empresa cresça e que gere lucro. É aquele profissional comprometido em fazer bem a sua parte e que contribui para o resultado geral. Ele se sente como parte importante de uma equipe. Procura dar tudo de si e contribui para que seu colega também possa fazer o melhor. É um líder.

Então, se identificou com algum dos quatro tipos? Se você é um profissional que espera crescer em sua carreira e ter sucesso, faça uma reflexão de seu comportamento e atitude diante das oportunidades e obstáculos que surgem diariamente em seu trabalho e analise o que pode você pode fazer para melhorar seus resultados.

Grande abraço! Sucesso!

Sady Bordin, 51 anos, é comandante de linha aérea e autor de “Marketing Pessoal – 100 dicas para valorizar a sua imagem”, Editora Record e de “Marketing Pessoal – Dez etapas para o sucesso”, Editora Best-seller. E-mail: sady@embraer195.com.br

Leia mais sobre: