O Portal Carreira & Sucesso é uma publicação digital da Catho. Aqui você encontra informações relacionadas ao mercado de trabalho, que irão auxiliá-lo em seu desenvolvimento profissional.

13/07/2017 - A difícil arte de agradar pessoas

Autor: Nelson Fukuyama

Se há uma coisa difícil na vida, profissional e pessoal, é conseguir agradar pessoas. É uma preocupação antiga que existe até um ditado famoso que você já deve ter ouvido: ter que “agradar gregos e troianos”. Vê se não é verdade.

Quando pequeno você tem que agradar as pessoas mais próximas, no caso, os pais, avós, irmãos, primos… Você vai para a escola e tem que agradar os seus professores e também que você tem que agradar os seus coleguinhas de classe.

À medida que vai crescendo, vai aumentando o seu círculo de relacionamentos. Mais parentes, mais vizinhos, mais colegas de colégio, mais professores. Você tem que agradar, se não a todos, mas a grande maioria, com o seu modo de ser, com a sua educação. Se não agradar, você corre o risco de ser rejeitado de alguma forma.

Depois, um pouquinho maior, vai para a faculdade, onde na maioria dos casos a conversa e relacionamentos já é bem diferente. Você pode até ser um estudante inteligente, dedicado, mas se o professor “cismar” com você, ou seja, não “for com a sua cara”, você pode ter que se desdobrar ainda mais para conseguir superar bem essa fase.

Daí você vai para o mercado de trabalho. Parece que aí é que a vida se torna mais complicada. Parece que agora o desafio se torna ainda maior.

Você pode ter uma ótima indicação para uma vaga, mas tem que agradar o entrevistador/empregador. Uma palavra, um detalhe, na apresentação do seu currículo, você deve agradar. Na entrevista você tem que agradar, uma palavra, uma referência, ou a sua roupa, e basta. Se contratado, terá que agradar seus colegas de trabalho acima, do lado e abaixo de você.

Para se garantir no dia-a-dia você tem que se desdobrar para agradar pessoas, especialmente seus superiores. Como você agrada? Com o seu modo de ser, com a sua conversa, com o seu trabalho e com o seu desempenho.

E assim você se torna mais velho e pensa: “Ei! eu tento agradar a muitas pessoas, e quem é que vai me agradar?” Oras, você mesmo tem que se agradar. Como? Estando satisfeito com o seu trabalho, com o seu rendimento, pois é com ele que você se manterá vivo, para continuar agradando pessoas, como a pessoa que você escolheu para ser seu parceiro de vida, por exemplo. Além é claro de poder adquirir conhecimento e bens materiais também.

Assim é a vida, agradar pessoas. Agora, tem gente que não se preocupa com isso, mas paga caro, pode ter certeza.

 

Leia mais sobre: