Filmes que inspiram: Erin Brokovich

Dirigido por Steven Soderbergh, o filme “Erin Brokovich”, lançado em 2000, é um exemplo de como devemos ser persistentes quanto aos nossos ideais e jamais desistirmos de lutar por justiça.

O filme conta a história de Erin (Julia Roberts), mãe de três filhos que trabalha em um pequeno escritório de advocacia. Quando descobre que a água de uma cidade no deserto está sendo contaminada e espalhando doenças entre seus habitantes, convence seu chefe a deixá-la investigar o assunto. A partir de então, utilizando-se de todas as suas qualidades naturais, desde a fala macia e convincente até seus atributos físicos, consegue convencer os cidadãos da cidade a cooperarem com ela, fazendo com que tenha em mãos um processo de 333 milhões de dólares.

Ao longo do filme Erin enfrenta os proprietários da empresa que tentam de todas as formas amenizar o impacto da contaminação. Eles tentam subordinar os moradores afetados e, até mesmo, Erin com dinheiro e ameaças.

Por ter certeza da contaminação, Erin se mantém firme na investigação e ajuda as testemunhas a apoiá-la na decisão de processar a empresa, ela coloca a mão na massa colhendo provas de água contaminada e tirando fotos, tudo isso sem ter a formação investigativa e sem ser advogada. Ela também ganha o apoio do chefe para persistir e ele a protege dos possíveis danos durante a investigação.

No mundo corporativo, acreditar em um ideal e persistir em um trabalho é fundamental para angariar vitórias e reconhecimento. Erin comprou uma briga por acreditar ser injusto uma empresa lucrar enquanto uma cidade inteira sofria com suas ações irresponsáveis ao meio ambiente.

O filme é um forte exemplo de predestinação, foco e justiça, e Julia Roberts venceu o Oscar de melhor atriz de 2001 por sua bela interpretação.

Confira o trailer:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=kC5L4IJoERM[/youtube]

Currículo Perfeito? Dicas em áudio para você!

Novo semestre: dicas para conseguir um estágio

Paternidade ativa e carreira