Quem não arrisca, não petisca!

No cenário de desemprego que o país enfrenta, existe uma disputa acirrada entre profissionais que buscam emprego. Entre os candidatos, muita gente qualificada e preparada para ocupar espaço no mercado. O quanto vale arriscar para se destacar dos demais e chamar a atenção dos recrutadores?

Já conhecemos currículos em gifs, em sites, candidatos que se passaram por clientes e até entregador de comida. Nos casos que ganharam repercussão, as atitudes criativas deram bons retornos e os profissionais alcançaram o emprego que desejavam, além de inspirar outras pessoas a arriscarem nas buscas.

Até onde é válido arriscar para conseguir uma chance?

 

Jornalismo #ProfissõesCatho

Qual destes 3 caminhos você prefere seguir na carreira? (Parte…

Deficiência Visual | Definições e Perspectivas