O que informar nos dados pessoais de um currículo?

Ao descrever os seus dados pessoais, você precisa apresentar ao recrutador quem é você, onde mora e quais os seus canais de contato. Visto isso, informe o seu nome completo, endereço residencial, bairro, cidade, celular com DDD, telefone residencial com DDD ou algum outro número no qual você possa ser encontrado, e-mail, nacionalidade, idade, estado civil e número de filhos. Os quatro últimos devem ser descritos por último e é importante não colocar mais nada além disso.

Sobre o seu e-mail, evite apelidos, nomenclaturas muito esquisitas ou de gosto duvidoso. Caso não tenha um e-mail com uma nomenclatura mais formal, crie um. Você pode definir um e-mail com o seu nome e sobrenome separados por pontos ou underlines, por exemplo (allan.lima.lopes@email.com ou allan_lima_lopes@email.com). Assim você não corre o risco do recrutador gerar uma má interpretação sobre o seu perfil ao enviar um e-mail.

Quanto aos números de telefone, eu aconselho que informe o seu celular (e que mantenha ele sempre com você e com bateria) e um número extra que pode ser da sua residência ou da residência de um parente, caso o recrutador tenha dificuldade de falar com você em seu celular. Caso este número extra de telefone não seja da sua residência, informe ao lado do número que este é apenas para recados.

Muitas pessoas me questionam sobre informar a idade, estado civil e número de filhos no currículo. Alguns temem serem eliminados do processo por apresentar essas informações. Acredito que estas informações devam constar. Afinal, você não gostaria de trabalhar em uma empresa que te discriminaria pela sua idade ou pelo número de filhos que possui, não é mesmo?

 

_

Sobre o autor
Allan Lopes é  Coaching Sistêmico, membro da Internacional Coach Federation, Master Practitioner em PNL e especialista em gestão de performance e em processos de mentoring e coaching aplicados ao ambiente corporativo. Sócio da Soar Desenvolvimento Humano e responsável pela área de Consultoria em Recursos Humanos.

Medos que impedem de se candidatar à uma vaga e…

Home Office pode ser o grande vilão

O networking até mesmo no elevador!