Mercado de casamentos: oportunidade de negócios

Maio é o tradicional mês das noivas. Cada vez mais valioso, o mercado de casamentos no Brasil tem alcançado cifras impressionantes. No país já são mais de 8,5 mil empresas em funcionamento no setor, que juntas movimentam R$ 15 bilhões por ano. E apesar da crise econômica, o segmento só tende a crescer.
De acordo com dados do IBGE, no Brasil acontecem mais 1 milhão de uniões todos os anos. E se antigamente as comemorações se resumiam ao bufê e aos serviços fotográficos, hoje os noivos têm à disposição os mais diversos itens para surpreender os convidados e fazer da festa um dia inesquecível.
São tantas os serviços e as novidades oferecidas para quem deseja se casar que planejar uma festa de casamento chega a custar aos noivos até dois anos. E os custos não são apenas de tempo. Para preparar uma tradicional cerimônia, são necessários de 38 a 42 serviços diferentes, como decoração, flores, aluguel de trajes, DJ ou banda, fotografia e filmagem, espaço para festa, comida e bebidas, convites, lembrancinhas e etc., boa parte deles prestados por micro e pequenas empresas.
Oportunidades à vista
Para entrar neste setor e aproveitar seus bons ventos, o empreendedor precisa estar atento aos prós e contras. Afinal, apesar de bastante lucrativo, este ramo de negócio apresenta especificidades que, se não conhecidas, podem prejudicar os desavisados que nele decidirem se aventurar.
Pode-se dizer que a principal vantagem é o baixo investimento inicial que boa parte dos negócios exige. Mas o prestador não deve pensar apenas no lucro: é preciso considerar a afinidade com o serviço escolhido. Ele deve conhecer a fundo o ramo em que vai trabalhar e gostar bastante dele para oferecer o melhor serviço ou produto, porque neste ponto já se encontra o primeiro “porém” – a concorrência acirrada.
Oferecer um serviço personalizado ou que preze pelos detalhes e contar com a ajuda da internet também é dica de sucesso. Antes de fechar qualquer negócio relacionado à festa, os casais costumam fazer uma pesquisa completa na web sobre as melhores opções e preços. E este é o momento certo de divulgar sua marca e seu trabalho para atrair clientes.
Outro detalhe também importante é o dinamismo do mercado. Para agradar seus convidados, os noivos não se importam em pagar caro para ter em sua comemoração as últimas novidades em decoração, entretenimento e/ou tecnologia. Por isso, é preciso se manter atento às novas tendências e às mudanças do setor para obter e, principalmente, manter o êxito dos negócios.

Sem emprego na crise do Coronavírus? 5 passos para voltar…

Coronavírus: o que esperar do mercado de trabalho?

Mulheres no mercado de trabalho: panorama da década