Secretária bilíngue pode ter salário até 36% maior

O domínio de um segundo idioma pode influenciar em até 36% o salário de uma secretária. O dado é parte de um levantamento feito pela Catho, site líder em empregos no país, às vésperas do dia em que é celebrada a profissão, lembrada em 30/09.

Enquanto a remuneração média da Secretária Executiva é de R$ 2.997,70, o salário de uma profissional bilíngue é de R$ 4.093,28, considerando a média Brasil. Já a Secretária Trilíngue recebe R$ 6.090,00 por mês, sendo que em São Paulo o salário pode chegar a R$ 7.643,00.

Entre as Secretárias Executivas, 84% possuem graduação. Entre as Secretárias Escolares, esse índice é de 70%. As informações fazem parte do Guia de Profissões e Salários da Catho.

“Com o maior acesso ao Ensino Superior, tornou-se fundamental que o profissional do segmento de secretariado passasse a procurar outras formas de se capacitar. Nesse contexto, os cursos de idiomas têm um papel importante, com peso relevante inclusive nos salários”, afirma Murilo Cavellucci, diretor de gente e gestão da Catho.

 

O site da Catho tem atualmente mais de 600 vagas para secretárias com diferentes especializações.

Trilha de carreira

Os primeiros passos da carreira de uma Secretária podem ser variados, conforme mostra o Guia de Profissões e Salários da Catho. A posição é ocupada geralmente por profissionais que, antes, passaram pelas funções de Auxiliar Administrativo, Telefonista ou Auxiliar de Vendas.

Para saber mais sobre a profissão de Secretária e outras carreiras, acesse gratuitamente o Guia de Profissões da Catho.

#MáscaraSalva | Máscara Inclusiva para deficientes auditivos

Impactos da pandemia na geração de empregos

5 áreas em alta que estão contratando mesmo na crise