Quais os programas do governo para entrar na faculdade?

Estudante realizando prova do programa do governo.

As ações do governo de promoção da educação são essenciais para a evolução da sociedade, diminuindo diferenças sociais e econômicas. Hoje existem quatro programas importantes para ajudar os estudantes a ingressar no ensino superior. É sobre essas ações que vamos tratar aqui no artigo. Confira.

Programas do governo e ensino superior

Basicamente, os programas governamentais relacionados ao ensino superior dividem-se em duas áreas: ajuda financeira e classificação. No primeiro caso está o Prouni e o Fies. Ambos ajudam a reduzir o custo das mensalidades, facilitando a entrada de pessoas de baixa renda nas faculdades privadas.

Os programas de classificação incluem o Enem e o Sisu. Eles vão avaliar os conhecimentos acadêmicos dos estudantes e ranquear o candidato para concorrer a vagas em instituições públicas.

Nos tópicos seguintes, todos os quatro programas serão detalhados.

Enem

O Exame Nacional do Ensino Médio, ou apenas Enem, é um programa que serve de base para todos os demais. Ele é realizado uma vez por ano e funciona como um vestibular.

Durante dois dias, os candidatos realizam provas com todos os assuntos trabalhados no Ensino Médio, além de escreverem uma redação. As questões são objetivas e aplicadas em todos os estados do Brasil, geralmente, entre outubro e novembro.

O Enem é realizado desde 1998, mas foi apenas a partir de 2009 que ele passou a funcionar como um vestibular unificado. Assim, depois de obter o resultado das provas, o candidato pode concorrer a uma vaga em instituições de ensino superior públicas e privadas.

Sisu

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é o mecanismo usado para ranquear os estudantes que desejam ingressar em universidades públicas. Para participar da seleção é preciso ter feito o Enem, afinal é a nota deste que vai gerar a classificação.

O programa funciona desde 2010 e abre seleção duas vezes por ano, sendo uma em janeiro e outra entre junho e julho. A inscrição é gratuita e você pode escolher vagas de qualquer instituição pública do Brasil. Tudo completamente online.

Hoje o Sisu é o único método de seleção usado pela maioria das universidades federais e estaduais. Por isso ele é extremamente importante.

Prouni

Prouni é o Programa Universidade para Todos. Ele é utilizado pelas pessoas que querem estudar em uma instituição privada. Criado em 2004, tem como objetivo oferecer bolsas integrais ou parciais com 50% de desconto para candidatos de baixa renda.

A inscrição no Prouni também é gratuita e ocorre duas vezes por ano, logo depois do resultado das seleções do Sisu. Para participar do programa é necessário ter feito o Enem, e quanto maior for a sua nota mais chances de conseguir as bolsas.

Fies

O Fundo de Financiamento Estudantil, Fies, surgiu em 2001. Assim como o Prouni, ele é voltado para os candidatos que buscam vaga em uma faculdade ou universidade privada. A diferença aqui é que você recebe um tipo de empréstimo para custear as mensalidades e não uma bolsa.

O Governo dá a você um prazo para pagar os gastos com os estudos. Geralmente esse tempo só começa a contar depois da formatura. Para participar do programa também é necessário ter feito a prova do Enem. Além disso, você precisa ter um fiador.

A inscrição para o Fies é gratuita e ocorre depois da divulgação dos resultados do Prouni, ou seja, duas vezes por ano.

Percebe como existem diferentes programas governamentais que ajudam você a conseguir um diploma de graduação? O primeiro passo é fazer o Enem e depois construir seu futuro acadêmico por meio de uma das opções que apresentamos.

Sendo assim, não há desculpas não se qualificar!

Como saber se a profissão que escolhi combina comigo

Dica de português: perca ou perda

Conheça mais sobre o Trabalho Temporário no fim do ano