Qual é a hora certa para mudar de emprego?

Segundo dados da Catho, mais de 40% de seus assinantes estão empregados, ou seja, mesmo com trabalho garantido, os trabalhadores estão em busca de recolocação profissional. Mas afinal, existe uma hora certa para mudar de emprego? O que deve ser avaliado para tomar esta decisão?

Um emprego, para a grande maioria da população, é uma das necessidades mais importantes, mesmo porque, ele significa ter poder de decisão, de adquirir bens materiais, conhecimento, proporcionar lazer e todas as demais ações que tornam uma pessoa economicamente ativa. Por isso, o emprego ideal é algo tão almejado.

Na geração passada, o tempo em que um profissional ficava em uma organização era uma das formas de medir o comprometimento e a empregabilidade dele. Nesta época quanto mais tempo em uma empresa, melhor era o profissional, mas isso mudou. Segundo Murilo Cavellucci, diretor de Gente e Gestão da Catho, o que deve ser avaliado em um profissional são suas conquistas em uma posição e não quanto tempo ele permaneceu em cada experiência.

Sendo assim, o tempo em cada organização não pode ser decisivo na hora de tomar esta decisão. Mas o que pode realmente te ajudar a decidir se esta é a hora certa ou não de mudar de emprego? Segundo Eduardo Thuler, CEO da Catho, esta decisão deve ser baseada na resposta de três questões, que são:

  • Como está a sua motivação no seu trabalho atual?
  • Qual a sua perspectiva de crescimento?
  • Como está o mercado na sua área de atuação?

 

Quer saber mais sobre o assunto? Assista o vídeo de Eduardo Thuler na íntegra.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=ENaa2rjt5H8[/youtube]

Este vídeo faz parte da série Minuto Catho, que tem como objetivo responder, por meio de vídeos curtos, estas e outras dúvidas que todo profissional possui. Assista agora mesmo todos os vídeos.

No trabalho, OUVIR pode ser mais importante do que FALAR

21 Dicas para atrair o emprego desejado

Home Office: vilão ou solução?